SkillTech / Candidaturas2020  / Abertura de Aviso – ALT20‐14‐2019‐49 Promoção Turística

Abertura de Aviso – ALT20‐14‐2019‐49 Promoção Turística

Abertura de Aviso – Promoção Turística através da valorização dos ativos naturais e histórico-culturais

 

O ALENTEJO 2020 abriu o aviso ALT20-14-2019-49 para promover a valorização dos ativos naturais e histórico-culturais, de modo a consolidar a Região como destino turístico associado a uma oferta qualificada e ajustada às características ambientais, naturais e patrimoniais, reforçando a sua identidade de território de qualidade

Sobre o Aviso aberto:

PRAZO PARA APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS

Data de abertura: 08 de agostode 2019
Data de termo: 30 de setembro de 2019

OBJETO

Promover a valorização dos ativos naturais e histórico-culturais para consolidar a Região como destino turístico associado a uma oferta qualificada e ajustada às características ambientais, naturais e patrimoniais, reforçando a sua identidade de território de qualidade.

ÁREA GEOGRÁFICA

NUTS II Alentejo

BENEFICIÁRIOS;

  1. Municípios;
  2. Entidades Regionais de Turismo;

PRAZO DE EXECUÇÃO DAS OPERAÇÕES

24 meses

TAXA DE FINANCIAMENTO DAS DESPESAS ELEGÍVEIS

Até 85% – incluído no pagamento das despesas elegíveis efetivamente realizadas e pagas pelos beneficiários.

DOTAÇÃO FINANCEIRA

2.500.000,00 €

TIPOLOGIA DE OPERAÇÕES

Promoção turística
i) Promoção turística de territórios de elevado valor natural, cultural e paisagístico; bem como a promoção do turismo da natureza, do turismo aventura ou de práticas mais tradicionais de turismo cultural e turismo religioso;
ii) Criação e promoção de novas rotas turísticas, centradas em recursos e produtos endógenos (e.g. vinhos), artes e saberes (e.g. vidro, lanifícios e cerâmica) e na produção cultural (e.g. escritores).

As operações deverão promover a acessibilidade a pessoas com deficiência ou incapacidade em itinerários de turismo acessível para todos, quer no que concerne às acessibilidades físicas, quer comunicacionais.

DESPESAS ELEGÍVEIS

São elegíveis as despesas resultantes dos custos reais incorridos com a realização da operação que respeitem a regulamentação comunitária aplicável, artigo 115º do Decreto-Lei nº. 159/2014, de 27 outubro, na sua atual redação, e os artigos 7º e 117º do RE SEUR.

 

A SkillTech pode ajudá-lo na elaboração e execução de candidaturas. Para obter mais informações, contacte-nos.